03 maio 2012

Cento e Um Poemas de Amor #8


Meu amor,
Esta canção é para venerar seus lindos olhos
Para dançar com toda memória
Para embarcar ao longe da vida
Para fundir-se em um só.

Quero unir-me ao teu corpo nu
Acreditando que o mundo neste momento pára
E consagra nosso amor.

Bem aventurado os homens de boa fé
Que sustentam as nuvens do amor
E voam, cada vez mais longe de si
Para dentro da roda do mundo
Que gira estações no tempo da luz

Saudade. E nada mais. 

MASNAVI