06 março 2012

Cento e um poemas de amor #5

"Que minhas mãos sejam feito rios
entre teus cabelos.

Meus seios, feito laranjas maduras.

Meu ventre, uma gamela cálida para tua virilidade.

Minhas pernas e meus braços sejam como portas,
como portos para as tuas tempestades.

Meus cabelos, como galhos de algodão.

Que todo o meu corpo seja rede para o teu,
e minha mente a tua panela,
a tua planície"

("Bíblia", de Gioconda Belli)